Como envolver e manter as pessoas em uma organização, construindo times mais fortes e coesos?

No livro “Liderança e Propósito”, Fred Kofman explora o que é preciso para se
tornar não apenas um bom líder, mas um líder transcendente
.

Quando falamos sobre propósito, quem lidera tem dupla responsabilidade:

Além de ter as metas e ideais da empresa como um norteador para tomar decisões, é preciso também apoiar os liderados a descobrirem quais são seus valores e objetivos.

Líderes de verdade ajudam o resto da organização a se conectarem com suas missões pessoais e da empresa, qualquer que seja seu lugar na hierarquia.

Quando as pessoas se baseiam em legado ou propósito para criar significado em suas
vidas profissionais, as empresas conseguem se desenvolver mais rápido e ter melhores
resultados.

Por isso, vamos falar sobre alguns ensinamentos do livro “Liderança e Propósito” e como ele pode te ajudar a obter resultados mais expressivos ao motivar seu time em prol de um propósito comum.

Quais são os 4 grandes problemas das organizações?

Os principais são:

Desengajamento, desorganização, desinformação e desilusão.

Essas sensações são as maiores responsáveis por desmotivar as pessoas de um time.

Pessoas querem líderes e colegas que se importem genuinamente com o seu bem-estar.

Quando as pessoas acreditam que ninguém se importa com elas e que não podem mudar isso, elas perdem a razão para acreditar que o que fazem é importante para os outros e se sentem desmotivadas.

Um time desengajado é contagioso e transparece inclusive para o cliente.

Como o líder leva o senso de propósito para o time?

Levar o senso de propósito para a sua equipe não será muito fácil.

Para lhe ajudar a começar a dar os primeiros passos em relação isso, 5 pontos essenciais devem ser levados em consideração.

Vamos ver cada um deles.

1) MOTIVAÇÃO: confie nos incentivos não materiais para motivar seu time

Incentivos materiais, como aumento de salário, são importantes quando falamos de
motivação, mas não é apenas isso que incentiva um time e melhora seu engajamento com os objetivos e valores da empresa.

Os 4 pilares da motivação são:

PROPÓSITO: Significado, Impacto, Transcendência;

PRINCÍPIOS: Integridade, Ética, Moral, Bondade, Verdade, Dignidade;

PESSOAS: Pertencimento, Conexão, Comunicação, Reconhecimento, Respeito;

AUTONOMIA: Liberdade, Criatividade, Realização, Aprendizado, Autoconhecimento.

2) CULTURA: defina, demonstre, demande e delegue

Uma cultura efetiva engaja as pessoas em torno de um propósito nobre, valores éticos,
objetivos significativos, sem depender de um sistema de controle formal e sem reduzir a
autonomia.

A cultura é um verdadeiro diferencial competitivo, pois não pode ser copiada. Levam-se
anos para um concorrente replicar.

3) RESPONSABILIDADE: o que você culpa, você empodera

Ao invés de se colocar em uma posição de vítima perante os problemas e desafios que irão surgir, se coloque no lugar do protagonista.

Dessa forma, você assume a responsabilidade pelas suas escolhas, pelo seu trabalho e por tudo que envolve o seu time e sua organização.

Assim você desenvolve a habilidade de escolher a resposta a uma situação e foca no que
você pode controlar, ao invés de se vitimizar pelo que não consegue.

4) COLABORAÇÃO: escuta ativa e escalonamento colaborativo

Se você quer ir rápido, vá sozinho. Se quiser ir longe, vá acompanhado.

Parta do pressuposto de que todos querem o melhor para a organização e que os conflitos ocorrem porque as pessoas divergem sobre a forma de alcançar esse melhor.

5) INTEGRIDADE: se não puder manter a sua palavra, honre-a

Decisões não valem de nada sem que virem compromissos, e compromissos não valem de nada sem que sejam ASSUMIDOS, MANTIDOS e HONRADOS com INTEGRIDADE!

As chaves da integridade são:

● Só prometa o que você acredita que pode cumprir. E o que você tem a verdadeira
intenção de cumprir;

● Comunique-se com honestidade. Avise o mais cedo possível que você não vai
conseguir cumprir um compromisso e explique o porquê;

● Assuma total responsabilidade pelas consequências do não cumprimento de um
compromisso. Renegocie da melhor forma possível.

Se as pessoas acham que o trabalho delas é apenas um emprego e não tem significado
nenhum, elas se tornarão ansiosas, desconectadas e desengajadas.

Conclusão

Se você conseguir implementar essas 5 dicas e valores dentro do seu time e organização, você se torna um líder mais engajado e consequentemente sua equipe também.

Traga um propósito para seu time e assim terá dele o seu melhor.

Seja um líder transcendente!

Novidade: ESCUTE este artigo
Voiced by Amazon Polly