Precisamos parar de começar e começarmos a terminar as coisas.

O Método Kanban, por ser ágil e visual, é uma das melhores ferramentas quando o assunto é entrega de valor com consistência.

Nesse episódio, conversamos e debatemos as ideias principais desse livro com uma empreendedora especialista no assunto, Ana G. Soares.

OUÇA o resumo completo do livro 👇

Você também pode ouvir e assinar gratuitamente o ResumoCast em seu aplicativo favorito de podcasts. Os mais utilizados pelos nossos ouvintes são iTunes, Google Podcasts, Spotify, Deezer e CastBox.

O que você vai aprender nesse episódio?

  • O que é Kanban;
  • Cases do parque de diversões e da Toyota;
  • Por que usar o Kanban;
  • O que é um Quadro Kanban;
  • Case do mercado e a teoria das filas;
  • Quais as funções principais do método Kanban;
  • Por que é importante fazer uma coisa de cada vez;
  • Como usar o Kanban como um método pessoal de produtividade;
  • Quais são os princípios do método Kanban;
  • Como blindar a sua equipe de tarefas desnecessárias com o Kanban;
  • Quais são as 5 propriedades do método Kanban;
  • Como funciona o conceito “folga no sistema”;
  • Quais são os maiores benefícios do Kanban;
  • Como dar os primeiros passos para implementar o método Kanban em seu negócio.
Tribo de apoiadores do ResumoCast

O que é Kanban?

O termo Kanban vem de uma palavra em japonês, que significa “cartão”.

Quem criou esse método e deu o nome foi a Toyota — lá na década de 1940 —, mas ele se tornou mundialmente conhecido por times ágeis de desenvolvimento de software. 

De uma forma simples de entender, Kanban é um método ágil e visual para gestão de tarefas e projetos.

Aplicar o Kanban significa visualizar seu trabalho, limitar as atividades em andamento e maximizar a eficiência do fluxo atual. 

Com ele, a pergunta “no que você está trabalhando?” por parte dos gestores não precisa existir, já que o Kanban permite que todo mundo saiba no que cada pessoa da equipe está trabalhando a qualquer momento.

Esse método não prescreve práticas específicas. 

Em vez disso, o Kanban oferece alguns princípios que buscam melhorar o desempenho e reduzir o desperdício de recursos — como tempo e dinheiro —, eliminando atividades que não agregam valor para a equipe, de acordo com seus objetivos.

O método Kanban é bastante adaptável, e por isso está ganhando cada vez mais força como uma das melhores formas de implementar metodologias ágeis e gestão enxuta em qualquer tipo de empresa.

Para você ter ideia, é possível utilizar o Kanban para diversos tipos de atividades, sejam elas profissionais ou pessoais. Por exemplo: 

  • Planejamento de projetos;
  • Controle de produção de conteúdo;
  • Gerenciamento de fluxo de vendas;
  • e até mesmo para planejar uma viagem.

Tem gente que usa o Kanban até para aprender um novo idioma ou desenvolver uma nova habilidade.

O que é um Quadro Kanban?

Um Quadro Kanban é um dos componentes chave para a parte visual do método Kanban.

Originalmente construído a partir de um quadro em branco (físico ou digital), ele é dividido em colunas e listas. 

Cada coluna representa uma etapa do fluxo de trabalho. As listas separam diferentes tipos de atividades. 

Quando uma tarefa entra no fluxo de trabalho, ela é inserida no Quadro Kanban através de um cartão colorido ou post-it, que passa por cada coluna do quadro. 

Geralmente, as colunas mais utilizadas mundo afora são: “Fazer”, “Fazendo” e “Feito”, mas é possível criar quantas subseções de colunas necessárias. Isso vai depender de como você quer visualizar o fluxo de trabalho da equipe com uma maior precisão.

Quais as funções principais do Kanban?

O método Kanban apresenta 3 funções principais:

Gerenciar o fluxo de trabalho

Isso permite que os gestores tenham uma visão mais ampla do que realmente está sendo feito no dia a dia e em que ritmo está o trabalho de cada um na equipe.

Equilibrar os processos

Com o Kanban, fica fácil de entender o que vem antes e depois. Isso evita que uma determinada atividade ou tarefa importante e essencial seja interrompida ou não executada como deveria. 

Limitar o volume de trabalho

Esse método respeita a capacidade produtiva de cada membro da equipe e é uma carta na manga para dizer “sim” ou “não” às tarefas urgentes e incêndios que surgem no dia a dia da empresa.

Os 4 princípios do Kanban

Alguns métodos forçam uma mudança desde o início. Já o Kanban, não. Ele busca a evolução, não a revolução. 

De acordo com o autor, os 4 princípios fundamentais do Kanban são:

  • 1 – Comece com o que você faz agora;
  • 2 – Concordar em buscar mudanças evolucionárias;
  • 3 – Inicialmente, respeite os papéis, responsabilidades e cargos atuais;
  • 4 – Incentivar atos de liderança em todos os níveis.

Estes quatro princípios deixam claro que o método Kanban tem como foco impulsionar a melhoria contínua, começando com o processo atual já existente.

Quando bem implementado na empresa, ele ajuda a desenvolver um mindset de crescimento em cada membro da equipe, onde todos devem dar passos consistentes de melhoria.

Quais são os benefícios de utilizar o método Kanban?

Ao longo do livro, podemos identificar grandes vantagens de se utilizar o método Kanban em seu negócio.

Separamos 3 benefícios. Vamos ver cada um deles:

Menos ociosidade e mais autonomia

Como todos na equipe estão sempre de olho no quadro Kanban e nas tarefas a serem feitas, os colaboradores tendem a não cair na armadilha da ociosidade de ficar esperando alguém falar o que eles devem fazer. 

É fácil olhar para o quadro e entender o status das entregas e também o que precisa ser feito. 

Isso estimula a autonomia da equipe, já que eles podem “puxar” tarefas e verificar o andamento das entregas por eles mesmos. 

Aumento de produtividade

Priorização de atividades e redução do tempo necessário para finalizar uma tarefa são duas chaves do método Kanban.

Isso aumenta o foco. Quando o foco aumenta, a equipe passa a ter mais certeza sobre o que precisa feito e quando precisa entregar.

O que não agrega valor é deixado de lado.

Ou seja, temos um processo mais rápido de execução de tarefas e projetos, e que mantém a alta qualidade.

Redução de custos

Com um Quadro Kanban fica mais fácil gerenciar o tempo que cada membro da equipe gasta em cada tarefa. 

Assim, ao entender como o tempo (e, consequentemente, o dinheiro) está sendo gasto, é possível avaliar e direcionar a equipe para aquilo que realmente importa.

Isso pode ser um grande diferencial na redução de custos da empresa.

Primeiros passos

Antes de se empolgar e já adotar o método Kanban no seu negócio, antes de tudo entenda quais são as reais necessidades.

Identifique os projetos em desenvolvimento e analise quais deles podem ser adaptados no método.

Depois, prepare sua equipe. Mostre todos os benefícios de se usar o Kanban. 

Só assim eles vão enxergar esse método como uma ponte para grandes realizações da equipe como um todo, e não como uma forma de vigilância pessoal.

Feito isso, identifique as etapas de trabalho e ajuste para que se encaixem em um fluxo de trabalho consistente no Quadro Kanban.

O próximo passo é definir as tarefas prioritárias. Isso ajuda a manter o foco e ter certeza de que os prazos serão cumpridos.

Por fim, mensure o processo constantemente e faça melhorias quando achar necessário.

Quem é David J. Anderson?

David J. Anderson é gestor e CEO na Mauvius Group.

Ele é considerado o pioneiro na implementação de Kanban no desenvolvimento de software e um dos principais responsáveis pela popularização do método no mundo.

Ele já esteve no Brasil para dois treinamentos pela Aspercom.

Esse podcast substitui a leitura do livro Kanban?

Não queremos que você deixe a leitura do livro de lado.

Além de escutar este podcast com o resumo, recomendamos que você leia o livro Kanban na íntegra.

Use o ResumoCast como uma espécie de curadoria do próximo livro que você vai ler! É o que a maioria dos nossos ouvintes fazem.

Somos parceiros da Amazon, e quando você faz a compra através do nosso link (clique na capa do livro ☝️), a gente recebe uma pequena porcentagem da venda.

Assim, você nos ajuda a continuar produzindo conteúdos gratuitos de qualidade e “empoderando a humanidade com o conhecimento dos livros”.

E tem mais: além de respeitar as leis sobre os direitos autorais — tanto da editora como do autor —, você terá em mãos um material muito melhor do que um simples PDF baixado de graça na internet.

Kanban no YouTube

Novidade: ESCUTE este artigo
Voiced by Amazon Polly

Entre para a lista de espera destaTribo

Você será avisado quando o processo de seleção estiver disponível

Você está na lista de espera para esta Tribo. Aguarde o nosso contato ou se increva em outra se desejar.

Entre para a lista de espera destaTribo

Você será avisado quando o processo de seleção estiver disponível

Você está na lista de espera para esta Tribo. Aguarde o nosso contato ou se increva em outra se desejar.

Entre para a lista de espera destaTribo

Você será avisado quando o processo de seleção estiver disponível

Você está na lista de espera para esta Tribo. Aguarde o nosso contato ou se increva em outra se desejar.

Entre para a lista de espera destaTribo

Você será avisado quando o processo de seleção estiver disponível

Você está na lista de espera para esta Tribo. Aguarde o nosso contato ou se increva em outra se desejar.

Entre para a lista de espera destaTribo

Você será avisado quando o processo de seleção estiver disponível

Você está na lista de espera para esta Tribo. Aguarde o nosso contato ou se increva em outra se desejar.

Entre para a lista de espera destaTribo

Você será avisado quando o processo de seleção estiver disponível

Você está na lista de espera para esta Tribo. Aguarde o nosso contato ou se increva em outra se desejar.